Monthly Archive: May 2014

Nunca mais. 0

Nunca mais.

Era impossível não se comover com a cena que se desenvolvia em frente aos meus olhos, ele corria em direção aquele penhasco e ali se sentou. Apoiou sua cabeça em suas mãos e como quem...

Silêncio - aimbire.com 0

Silêncio

Ela olhava para mim como quem queria dizer que me amava, mas tinha medo de admitir para si mesma que estava apaixonada por quem eu era, não por quem eu poderia ser. Quando aquele silêncio nos...